João Pessoa, 21 de julho de 2024
  1. Início
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Vereadora comenta sessão especial sobre...
Vereadora comenta sessão especial sobre ‘Outubro Rosa’ e combate ao trabalho infantil
13.10.2022
Redação

A realização da sessão especial sobre o ‘Outubro Rosa’, que ocorreu no último dia 10, na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), abordando a campanha de prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama, foi pauta na tribuna nesta quinta-feira (13). A vereadora Rebeca Sodré (União), autora da propositura da sessão celebrou a participação do terceiro setor, inclusive com instituições como a ‘Poderosas em Ação’, tratando problemas e, também, soluções.

“Pudemos ouvir o testemunho de mulheres de diferentes idades que tiveram câncer de mama. Não podemos esperar a mamografia para ser feita aos 40 anos, porque muitas vezes a doença já está avançado. É fundamental a prevenção para salvar vidas”, destacou. Para ela, o autoexame não exclui a necessidade de fazer uma ultrassonografia mamária, por exemplo. “O direito à saúde é de toda a sociedade. Quando uma mulher adoece, toda a família adoece junto”, frisou.

Aproveitando o ensejo do Dia das Crianças que também ocorre em outubro, Sodré enfatizou a postura firme da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), na qual preside a Comissão Nacional de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, quanto ao trabalho de conscientização e combate ao trabalho infantil: “A OAB está firme e ativa, mas precisa estar de mãos dadas com outras instituições que façam seus papeis. Ainda vemos, sim, alguma crianças nas ruas, trabalhando, e a OAB tem feito seu papel enquanto casa da cidadania”.

A parlamentar lembrou que lugar de criança é na escola, brincando e estudando e que as crianças tem que viver os momentos delas de forma adequada e saudável. (…) “Inclusive, a Ordem está propondo uma campanha de doação de brinquedos para crianças carentes nos próximos dias 21 e 22. Para destinar brinquedos, amor e empatia. A criança não só precisa de brinquedos, mas, de olhar atento e de saúde”, informou.

A vereadora, então, chamou atenção para a saúde das crianças: “Me preocupa muito que os pais não tenham se atentado à vacinação infantil da poliomielite. Nós, enquanto parlamentares, precisamos pedir isso a você, cidadão. A vacinação é primordial na vida de uma criança, de um adolescente”.

Rebeca ainda pediu que no próximo dia 30, no segundo turno das eleições, a população saia de casa e vote conscientemente.

O colega parlamentar Carlão concordou que a demora no diagnóstico do câncer seria o que realmente levaria à fatalidade. “O estado, a prefeitura, precisa responder com urgência, para que esses exames sejam feitos imediatamente”, reforçou. Ele também comentou sobre o Supremo Tribunal Federal (STF) ter negado o pronunciamento do ministro da saúde, Marcelo Queiroga, sobre a vacinação contra a poliomielite: “É importante dizer que, sim, a poliomelite pode voltar ao Brasil e a gente precisa alertar. O Supremo Tribunal Federal (STF) poderia ter agido neste momento com menos legalidade e mais humanidade”.

O vereador Coronel Sobreira (MDB) citou as reclamações que tem recebido quanto a uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no bairro do Valentina, em que têm ocorrido problemas quanto à informação e comunicação com os usuários dos serviços. Para ele, a prefeitura precisa melhorar o serviço de saúde: “É questão de gestão. É preciso, sim, gerir melhor a saúde do município”.

Rinaldo Maranhão (Solidariedade) e Marcos Henriques (PT) também falaram que a vacina é importante e reforçaram a relevância do voto no dia 30 de outubro, pedindo aos eleitores que compareçam às urnas e escolham um representante.

Por fim, Rebeca Sodré sugeriu que as pessoas usem as redes sociais para alertar sobre a vacinação da poliomielite.

Compartilhe:
© Copyright 2023. Todos os Direitos Reservados.