João Pessoa, 19 de maio de 2024
  1. Início
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Direita conservadora é debatida em...
Direita conservadora é debatida em sessão especial
28.02.2024
Cybele Morais
Juliana Santos

Vereador Carlão (PL) foi o autor da propositura

Na tarde desta quarta-feira (28), a Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) realizou sessão especial para debater a direita conservadora. A sessão trouxe especialistas e representantes da sociedade civil e foi proposta pelo vereador Carlão (PL).

O parlamentar falou sobre a importância de debater o tema através de sessão especial. “Essa Casa durante muito tempo foi espaço para falas progressistas e do partido comunista e precisávamos abrir o debate. A direita conservadora vem contribuindo desde 2018 com o presidente Bolsonaro para a verdadeira democracia. Antes as pessoas só ouviam um lado, tinham um lado da história e principalmente, um lado da política, quando não era esquerda, era uma esquerda flexibilizada”, afirmou.

Carlão disse que hoje a direita conservadora se apresenta não só como uma ideologia política, mas o conservadorismo é um estilo de vida. “É uma maneira de viver respeitando a cristandade, o valor da vida, respeitando aqueles que precisam e acreditam nos valores importantes da família, que combatem a liberação das drogas, que não são a favor de gastos exacerbados e que constroem uma família ou uma estrutura dentro da sociedade, de forma equilibrada e é isso que esse conservadorismo na política representado pela direita, vem sendo durante muito tempo perseguido e agora é hora de equilíbrio”, acrescentou.

O deputado estadual Walber Virgulino (PL) destacou a iniciativa da realização da sessão. “Nós temos como na qualidade de representante do povo de unir a direita conservadora, mas para isso nós precisamos explicar a algumas pessoas o que é direita conservadora, quais são os preceitos e princípios que nós defendemos”, pontuou.

“Nós temos sim que ter esse projeto de poder e temos que assumir o que nós defendemos porque se nós não tomarmos a frente, eles irão tomar e depois não adianta ir para as ruas só manifestar”, disse Michele Faria, vice-presidente da Marcha da Família.

Alisson Novaes, presidente estadual do partido Conservador, colocou que “a criação de um comando estratégico do conservadorismo passa por debates como esse e que quando falamos em movimento conservador, precisamos ter uma ideia do vem a ser conservadorismo, precisamos ter conceitos claros. Será que estamos prontos para defender nossa ideologia? acho que não, porque conservadorismo não é ideologia”.

O vereador Coronel Sobreira (MDB) concluiu dizendo que a direita está presente, é crescente, está atenta e irá continuar firme.

Participaram ainda da sessão especial Helder Florêncio, representante do partido Novo; Cristina Medeiros, advogada; Raquel Santana, além de Cláudia Gonzaga, técnica de enfermagem; Marcelo Queiroga, ex-ministro da Saúde, entre outros.

Compartilhe:
© Copyright 2023. Todos os Direitos Reservados.